O Que é Neuroticismo?

O Neuroticismo é uma das cinco dimensão da personalidade humana, que agrupa traços como ansiedade, aflição, angústia, inibição, melancolia, baixa auto-estima.

Publicado por
Monday, July 22, 2019

O Neuroticismo é uma dimensão da personalidade humana, que agrupa traços como ansiedade, aflição, angústia, inibição, melancolia, baixa auto-estima. É uma das dimensões que compõem o modelo dos Cinco Grandes Fatores (CGF).

Continue lendo para entender o que é neuroticismo e a importância da regulação emocional.

O Neuroticismo é um dos 5 Grandes Fatores (Big Five), conhecido como Fator N e refere-se ao nível de ajustamento e instabilidade emocional que o sujeito apresenta ao longo da vida.

Este fator representa as diferenças individuais que ocorrem quando pessoas experienciam padrões emocionais associados a um desconforto psicológico, como a aflição, a angústia, o sofrimento, dentre outros, e os estilos cognitivos e comportamentais decorrentes (McCrae & John, 1992).

Existem escalas que mensuram o nível deste traço presente sem cada pessoa, um alto nível de Neuroticismo está associado a indivíduos propensos a vivenciar mais intensamente sofrimento emocional

Também inclui ideias dissociadas da realidade, ansiedade excessiva, dificuldade para tolerar a frustração causada pela não saciação do desejo e respostas de coping mal adaptadas.

Indivíduos com baixo índice de Neuroticidade são geralmente calmos, relaxados, estáveis, menos agitados. Porem baixos escores de Neuroticismo não significam necessariamente que o indivíduo tem boa saúde mental. Na verdade, o oposto, níveis muito elevados ou muito baixos de Neuroticismo podem ser indicadores de problemas (McCrae & John, 1992).

Índices muito baixos de neuroticismo podem estar associados à sociopatia ou comportamentos antissociais.

Neuroticismo inclui ítens que identificam ansiedade, hostilidade, depressão, auto-estima, impulsividade e vulnerabilidade (costa e Widiger, 1993). 

Muitos estudos têm encontrado evidências de que o modelo dos Cingo Grande Fatores (CGF) é útil para explicar os Transtornos de Personalidade identificados nos manuais psiquiátricos. Widiger, Trull, Clarkin, Sanders & Costa (1993), por exemplo, elaboraram uma tabela relacionando todos os transtornos de personalidade listados na DSM-IV com os CGF e suas sub-dimensões. Esse estudo mostrou que o fator Neuroticismo apresenta uma estreita relação com a maioria dos Transtornos de Personalidade catalogados em sistemas categóricos, como o DSM-IV, e consequentemente, o DSM-V.

Uma das principais escalas para medir o Fator N é a Escala Fatorial de Ajustamento Emocional/Neuroticismo – EFN. 

Descobrir o grau de neuroticismo é importante para saber que pontos da personalidade podem ser trabalhados a fim de se obter uma melhora na estabilidade emocional do indivíduo. 

Como esta dimensão está diretamente ligada à regulação emocional, pessoas com pontuação elevada deste fator tendem a experienciar emoções negativas com maior frequência a ter respostas de coping menos adaptadas para lidar com tais emoções.

Este artigo tem
0 pontos
Dê uma nota
1 2 3 4 5
thumb_up
Eu recomendo
thumb_up
Você recomendou
report_problem
Reportar

Você reportou
Motivos
Cancelar
0 comentários
Psikke:
Psikke: Compartilhe seus conhecimentos com a comunidade